Aspectos Geográficos de Roraima

O estado de Roraima tem por limites ao norte e a nordeste a Venezuela; ao leste a Guiana; o Pará a sudeste e o estado amazonense como vizinho no sul. A área ocupada por Roraima é de cerca de 224, 3 km². Estima-se que a sua população seja de 421.500 habitantes. A capital roraimense é Boa Vista, sendo a mais populosa cidade, com cerca de 267.000 pessoas.

O relevo das regiões roraimenses são constituídos por serras, na região fronteiriça, onde está localizado o Monte Roraima, com 2875 metros de altitude. O planalto ondulado é formado por maciços e picos isolados. O clima da região é o equatorial nas extremidades norte e sul e no oeste. Na região leste, é encontrado o clima tropical.

São 14 rios que formam a hidrografia da região do estado de Roraima. Dentre eles, o Rio Branco é o mais importante e mais extenso. Compõem a lista de rios roraimenses: o Água Boa do Univiní, o rio Aliã, o Ajarani, o Alalaú, o Branco, o rio Catrimani, Cauamé, Itapará, Mucajaí, Surumu, Tacutu, Uraricoera, Urubu e Xeruini.

A vegetação predominante na região é a floresta tropical. Ela cobre mais da metade do território de Roraima. Os campos e os cerrados são outros tipos de vegetação que cobrem o estado; porém, em menores áreas. Sua área verde soma, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), um total de 15.539,93 km² de área preservada, sendo grande parte desse território ocupado por indígenas (Macuxi, Taurepang, Ingarikó, Patamanona, Wai-Wai e Waimiri-atroari).

O setor de serviço é o mais promissor da economia roraimense. Por causa do seu potencial natural, o ecoturismo atrai arqueólogos de todos os lugares. Na agricultura, é comum o plantio de arroz, feijão, milho e mandioca. Na pecuária são criados bovinos, suínos e ovinos. Outra área é a do extrativismo, que atua na extração de madeira, ouro, diamantes e estanho.

Aspectos Históricos de Roraima

Os colonos portugueses chegaram ao território roraimense por meio do rio Branco, o maior e mais importante rio do estado. Através das Guianas, antes mesmo dos portugueses chegarem até Roraima, os ingleses e neerlandeses já exploravam a região. Portugal conquistou o território após a Espanha invadir o norte do Rio Branco.

Os lusitanos construíram um forte, São Joaquim, na bifurcação do rio Uraricoeira e Tacatu. Essa edificação lhes proporcionou vitória. O território era cobiçado por diversas nações. Desenvolveram várias vilas e povoados como: Nossa Senhora do Carmo e Santa Bárbara, no Rio Branco, Nossa Senhora da Conceição e Santo Antônio, no rio Uraricoera; São Felipe, no Tacutu.

Esses povoamentos não deram continuidade, uma vez que era composto por nativos e colonos portugueses. Havia discrepâncias entre eles, causando a dissolução das vilas. Para que os lusitanos continuassem no território do Vale do Rio Branco, Manuel Gama Lobo d'Almada, iniciou a criação de gado e equinos.

No século XVII, os corsários ingleses tentaram invadir os territórios do Vale do Rio Branco, porém foram expulsos através do Forte de São Joaquim. Depois disso, o Brasil e a Guiana foram divididos politicamente, pelo fato dos ingleses executarem muitas investidas ao território do Brasil.

Em 1890, foi decretado o município de Boa Vista. Com um Decreto-Lei, nº 5812 de 13 de setembro de 1943, foi criado o Território Federal do Rio Branco. Já em 1962, o local foi denominado como Território Federal de Roraima. Apenas após a Constituição Brasileira de 1988, foi elevado à categoria de Estado.

Aspectos Culturais de Roraima

Roraima tem como grande manifestação cultural o carnaval. Na capital, Boa Vista, existem os desfiles de rua, assim como no Rio de Janeiro, feitos através de agremiações carnavalescas. As escolas de samba existentes em Roraima são: o Império Roraimense, a Praça da Bandeira, atual campeã, Além do Equador, Aquarela, Embaixadores da Mecejana, Ouro Verde e Unidos do Beiral.

Como os roraimenses receberam uma variedade de migrantes, devido ao ciclo da borracha, o cardápio tem características do nordeste, sudeste e sul, assim como de portugueses. Alguns pratos famosos são: a tapioca, a farinha de mandioca, a paçoca de carne seca, o cuscuz e etc.

Personalidades de Roraima

  • Rosinaldo Galdino da Silva é um árbitro de futebol. Nasceu em Roraima.
  • Augusto Afonso Botelho Neto é um Senador de Roraima.